sábado, 30 de abril de 2011

Sanduíche de carne de panela

Logo que vim morar em porto Alegre me chamou atenção que vários bares serviam sanduíche de carne de panela. O tempo passou e resolvi experimentar em casa.


Minha faxineira cozinha e havia deixado pronta uma carne de panela. Na verdade não tem muito mistério. Ela refogou na panela de pressão umas duas cebolas picadas, umas 8oog de carne (pode ser vazio (fraldinha), músculo, lagarto (tatu), costela minga ou até mesmo sobras de churrasco) e aproximadamente 1 copo de água e fechou a panela de pressão. Acho que uns 40 minutos são suficientes para a carne ficar macia a ponto de desfiar. Pode-se colocar uma lata de molho de tomate também, eu prefiro sem. Aí é desfiar a carne. Se o molho estiver muito líquido, descarte-o ou volte à panela com a carne e mais uma colher de sopa de farinha. Mexa até ficar cremoso.


Fiz também um molho verde: bati umas 3 colheres de sopa de maionese com meio maço de salsinha no mixer (ou liquidificador).


O pão foi comprado na Boulangerie Carina Barlett. Normalmente não indico muitos nomes aqui, mas o pão ciabata de lá é tão bom, que vale muito a pena experimentar (nada impede que se faça com outro pão, mas esse ficou divino).


Para montar, abri o pão ciabata no meio, coloquei uma porção generosa da carne de panela desfiada e fatias de queijo. Levei ao forno até derreter o queijo. Aí abri o sanduíche quentinho, coloquei alface, rodelas de tomate e uma colherada do molho verde e servi. Simplesmente uma delícia...

9 comentários:

martina disse...

bah, eu tava falando com a minha mãe hoje que eu tava louca pra comer carne de panela...

eu nem tenho panela de pressão, faço um pouco diferente, na panela normal acrescentando água aos poucos.
nham.
e fica tri bom no pão!

Giana disse...

Eu acho que minha faxineira até fez na panela sem colocar na pressão dessa última vez. Vou procurar minhas receitas, minha mãe fazia uma com vinho deliciosa...

tati disse...

Gi eu ia te perguntar como que se faz a carne sem panela de pressão. Eu não tenho e me deu muita vontade de comer esse sanduíche. bjos

Giana disse...

Tati - pega um meio quilo de vazio ou músculo- frita uma cebola picadinha e põe a carne em pedaços grandes ou até inteira. Vai deixando fritar e colocando água aos poucos. Deve levar 1h e meia até ponto de desfiar...pode temperar com sal e até um copo de vinho tinto se quiser.

Giana disse...

Mais fácil ainda: te chamo da próxima vez que fizermos hehehe

Melissa disse...

Eu amo minha panela de pressão. uso um monte, tenho duas até! Só acho um saco de lavar...

Giana disse...

Pois é, tem umas mais top que são mais fáceis, mas prefiro as comuns ainda...

Sabrina disse...

Aqui em SP eles chamam de sanduiche de carne louca... é bem comuns nos botecos da Vila Madalena... super gostoso :)
Gi... tu faz pra mim qdo eu for??? hehehe abusada . beijos

Giana disse...

Bina: vou pensar, mas será que vai ser melhor que o da Vila Madalena???