terça-feira, 4 de agosto de 2009

Cachorrinho fácil


Vi no jornal esses dias uma receita de cachorrinho - ou enroladinho de salsicha - bem fácil de fazer. Resolvi fazer meia receita, o que foi muito acertado, porque rendeu bastante. Ponho aqui a quantidade que usei ontem:

1/4 xícara de água

1/4 xícara de leite

1 colher e meia (sopa) de óleo

1/4 de xícara de açúcar

1/2 ovo ( não estou louca, é isso mesmo - você quebra o ovo, bate ligeiramente com garfo para misturar a clara e a gema e despeja só metade na receita. A outra metade usei para pincelar os cachorrinhos antes de irem para o forno)

1 colher (chá) de sal

1 sachê de fermento biológico seco

2 xícaras de farinha de trigo

1 pacote de salsicha - deve ter umas 10 salsichas


Para pincelar

a metade que sobrou do ovo


1. Em uma vasilha grande, misture o óleo, o açúcar, o ovo, o sal e o fermento biológico.

2. Adicione o leite e a água mornos.

3. Vá acrescentando, aos poucos, a farinha de trigo, amassando até que a massa comece a soltar das mãos - eu usei 2 xícaras e meia de farinha, mas isso depende do dia, do tamanho do ovo e da farinha. Mas foi bem fácil achar o ponto.

4. Cubra com um plástico e deixe crescer até dobrar de volume (deixei uma meia hora mais ou menos)- coloquei no microondas e liguei 15 segundos para dar uma aquecida, porque estava bem frio ontem à noite.

5. Sove novamente a massa (esqueci de sovar e ficou bom igual) e abra com um rolo, deixando na espessura de 0,5cm. A massa é bem boa de trabalhar, fácil de abrir e manusear.

6. Corte em tiras de 2cm de largura. (eu fiz alguns assim mas achei meio chato ir enrolando essa fita de massa, então só espichei a massa e enrolei a salsicha inteira)

7. Enrole cada salsicha com uma tira da massa, deixando as pontas de fora - eu cobri toda a salsicha em alguns e achei melhor.

8. Deixe crescer novamente até dobrar de volume - pode pular essa etapa.

9. Pincele com o ovo.

10. Leve ao forno pré-aquecido, à temperatura de 200 graus, até dourar no meu forno deu uns 25 minuto em temperatura média. A massa fica levinha e um pouco crocante, uma delícia.

Na receita original mandava fazer com salsichas baby, acho que para um evento fica mais delicado. Como ontem era só uma janta em casa, fiz com salsichas normais tipo viena que eu já tinha comprado. Como sobrou um pouco de massa, fiz uns rolinhos com queijo e um temperinho que tinha em casa, de zahtar com hortelã, ficou bem gostoso também. Mas poderia ser presunto e queijo tb. Aí vai do gosto e disponibilidade de ingredientes de cada um hehehe...

5 comentários:

Mel disse...

dá pra partir a salsicha ao meio tb né?
faz um tempao que eu procuro uma receita prática disso eu nao encontro, vou tentar!!

Giana disse...

Meli
Eu não sou muito de fazer massas, porque acho muito trabalhoso e nunca acho o tal ponto de "desgrudar ds mãos" como diz a Myrna...mas essa receita me surpreendeu, é bem fácil de fazer mesmo. Experimenta qu vais gostar.

Giana disse...

Meli
Eu não sou muito de fazer massas, porque acho muito trabalhoso e nunca acho o tal ponto de "desgrudar ds mãos" como diz a Myrna...mas essa receita me surpreendeu, é bem fácil de fazer mesmo. Experimenta qu vais gostar.

Lu disse...

tá. vcs tão me gozando que toda essa função é pra ser fácil, né? o que seria o difícil? hehehe

Mel disse...

hehehe, a gente faz e te convida então Lu!!!